Llamamiento

para contribuciones

Dosiers en curso

2008 / 2009

- Hacia unos eslabones sostenibles: de la producción al consumo

español   français   english   português

dph participa en la coredem
es.coredem.info

buscar
...
diálogos, propuestas, historias para una Ciudadanía Mundial

Fazendo Arte com as mãos

Edileuza Neves ROCHA

10 / 1995

A Cultura como atividade de trabalho e emoção, sempre fez parte de minha experiência de vida. Este ano, mais precisamente em março, recebi como proposta trabalhar cultura através do "mamulengo", de maneira sistematizada tendo como palco a realidade dos alunos do CAIC (Centro de Atenção Integral à Criança). Como afirmei anteriormente, já havia me envolvido com várias atividades culturais como teatro e até mesmo mamulengo, mas nunca havia vivenciado todo o processo de criação que gostaria de escrever aqui. Nessa perspectiva, iniciamos o trabalho. O processo de criação foi nos envolvendo aos poucos: primeiro mexendo no papel reciclado, depois molhando-o até transformá-lo em boneco.

Qual a nossa euforia ao dar vida aquele monte de papel que antes era lixo e vê-lo agora como: soldado, nega maluca, benedito, personagens saídos do nosso cotidiano e vindo ao mundo pelo milagre das nossas mãos.

Fazer as roupas coloridas e espalhafatosas, montar a tolda (de uma caixa de geladeira), aprender as técnicas, construir o texto e montar a história foi uma experiência gratificante e mágica. Tudo isso nascido do milagre da criação. Do milagre que nasceu de nossas mãos. O resgate da auto-estima, o prazer e o gosto pela arte, descoberta e construção de histórias, o exercício livre que vem da cultura é experimentado e reforçado em nossa oficina. Nossos alunos são mais soltos, concentram-se melhor em sala de aula, são mais abertos, mais felizes. Não só pela utilização das linguagens expressivas, mas por estarem numa atividade prazerosa, envolvente, escolhida e construída por eles.

A cultura da paz, no espaço democrático da escola é nossa busca cotidiana. Fazer da escola um lugar emocionante, vivo, pulsante onde é permitido sonhar e trabalhar as emoções é esse o nosso objetivo. E a Arte, veículo de ligação mágico e concreto entre o homem e seus mundos, é apoio, busca e desafio que fazemos e refazemos todos os dias, no movimento de nossas mãos.

Palabras claves

educación popular, educación, cultura popular, cultura de paz


, Brasil, Pernambuco

Notas

Através do insentivo à produção e leitura de fichas de capitalização de experiências pedagógicas, a rede BAM pretende favorecer a um processo de formação continuada junto a coletivos de educadores de jovens e adultos (hoje, existentes nos estados do Rio de Janeiro e Pernambuco). Está apoiado numa metodologia que valoriza a autoria e promove a interação entre educadores de diferentes contextos.

Fuente

Relato de experiencia ; Texto original

SAPÉ (Serviços de Apoio à Pesquisa em Educaçào) - Rua Evaristo da Veiga, 16 SL 1601, CEP 20031-040 Rio de Janeiro/RJ, BRESIL - Tel 19 55 21 220 45 80 - Fax 55 21 220 16 16 - Brasil - sape (@) alternex.com.br

contacto mapa del sitio menciones legales