español   français   english   português

dph participe la coredem
fr.coredem.info

rechercher
...
dialogues, propositions, histoires pour une citoyenneté mondiale

Terra para plantar e casa para morar

Romaria da Terra de Santa Catarina reune trabalhadores do campo e da cidade

(Une terre à cultiver et une maison pour habiter Le pélerinage de la terre de Santa Catarina réunit les travailleurs ruraux et citadins)

Cristiana TRAMONTE

09 / 1993

A 8ª Romaria da Terra do Estado de Santa Catarina aconteceu no dia 12 de setembro de 1993, um domingo que reuniu no aterro da cidade de Florianopolis cerca de 10.000 participantes vindos de todas as regioes do Estado.A promotora do evento e a Comissao Pastoral da Terra do Estado que apresenta uma estrutura de mobilizacao que se repete a cada ano, com temas diversos, buscando resgatar e proclamar as principais reivindicacoes das camadas populares da sociedade.Participaram da organizacao do evento movimentos sociais, grupos comunitarios, grupos de pastoral, que reunem e organizam nas localidades urbanas e rurais os " romeiros"que desejam participar do evento .

A 8ª Romaria , como todos os anos, contou com apresentacoes musicais e de teatro e com discursos e pronunciamentos de liderancas de movimentos sociais e populares.O tom principal destas atividades e a busca da unidade na diversidade; os cantos e discursos falam de indios, da luta dos negros, de ecologia, de fe transformadora, de luta pela unidade latinoamericana,da luta das mulheres, das lutas pela cidadania,etc.Um dos destaques da Romaria foi a funcao da comunicacao para os processos sociais. E,de fato, toda a simbologia da romaria busca a comunicacao: a cruz de cedro plantada no chao, as imagens de santos, os pacotes de sementes distribuidos aos participantes, os bracos ao alto durante os cantos,as bandeiras,etc. Outro destaque foi quando um grupo de negras dancou ritmos" afros" atirando petalas de flores sobre os participantes.

O periodo da tarde teve inicio com a celebracao. Como ocorre todos os anos, dela participaram varios bispos e padres do estado e em momentos especiais houve oferendas e rituais simbolizando valores universais: igualdade, fraternidade, uniao, participacao.Neste momentos participam leigos e liderancas populares que vem participando e construindo os milhares de grupos comunitarios e pastorais que representam hoje a base social da Igreja Catolica sob a inspiracao da Teologia da Libertacao.

Mots-clés

Brésil, Santa Catarina

Commentaire

Pode-se afirmar que as Romarias representam o climax da organizacao e da confraternizacao dos inumeros movimentos sociais e grupos comunitarios que sempre constituiram, ao longo da historia do pais uma importante forca social de construcao democratica. As Romarias acontecem por todo o pais e e um momento de espiritualidade ligada ao social importante para a renovacao do animo destes participantes para o retorno a sua luta cotidiana de organizacao. E ali o momento do encontro, do congracamento, do canto, da reza, da confraternizacao; e tambem o momento dos encontros e confrontos culturais, no qual o universo de cada um se amplia em face do universo do outro.A religiao serve como amalgama para tudo. Um dado interessante e que a visao ecumenica comeca a preponderar permitindo a expressao de cultos nao- catolicos(africanos,etc.)e com isso a nocao de mundo e de participacao se alarga e se abre para aceitar a unidade na diversidade como principio basico de construcao de uma sociedade democratica.

Source

Compte rendu de colloque, conférence, séminaire,…

TRAMONTE, Cristiana, DIALOGO-CULTURA E COMUNICACAO

Dialogo Cultura e Comunicacao - Rua Dep. Antonio Edu Vieira, nr.65, apt. 204/D, Bairro Pantanal, Florianópolis-SC, BRASIL - Brésil - mvsouza (@) univali.br

contact plan du site mentions légales