español   français   english   português

dph participe la coredem
fr.coredem.info

rechercher
...
dialogues, propositions, histoires pour une citoyenneté mondiale

USOS SOCIAIS DO DPH

Reflexoes sobre a pratica do DIALOGO e seus parceiros

(Usages sociaux de DPH Réflexions sur la pratique de DIALOGO et de ses partenaires)

Marcio VIEIRA DE SOUZA

10 / 1995

DIALOGO- Cultura e Comunicacao e’ uma associacao que trabalha em forma de rede, a nivel local. Nosso trabalho e’ desenvolvido sempre em conjunto, em parceria com grupos e entidades da regiao onde atuamos. Nosso trabalho tem como prioridade a democratizacao da comunicacao e da cultura, assim como a valorizacao da informacao das comunidades locais e regionais.

A associacao e’formada por pessoas intimamentes vinculadas a movimentos sociais e culturais do estado de Santa Catarina, e que participam de outras entidades ,movimentos e instituicoes da regiao sul do Brasil. Essa rede local de parceiros , que chamaremos de Rede DIALOGO e’ formada por militantes do movimento dos trabalhadores rurais Sem Terra, do movimento de valorizacao da cultura afro-brasileira, movimentos das criancas marginalizadas, movimento pela democratizacao da comunicacao, alem de ONGs (CECA , NEN, ABVP-SC, MNMMR, CEDIP). DIALOGO desenvolve trabalhos de comunicacao e cultura em parceria com sindicatos de trabalhadores (SINERGIA, CUT-SC, APUFSC,etc)mantendo convenio com Universidades (Universidade Federal de Santa Catarina-UFSC e Universidade do Vale do Itajai-UNIVALI).

A nivel interno, DIALOGO trabalha com o programa DPH, para registro de suas experiencias de comunicacao e cultura. Alem disso fazemos uso das fichas DPH em cursos de formacao realizados pela associacao.Como exemplo, citamos um trabalho de reflexao sobre metodologia de uso do video, onde podemos utilizar fichas sobre as experiencias ja realizadas e refletir com os participantes. Utilizamos fichas DPH tambem para registro e pesquisa sobre metodologia de uso de novas tecnologias em comunicacao em convenio com universidades. As fichas DPH sao utilizadas como memoria e como uma forma de divulgacao interna da associacao. A maioria dos relatorios (atas, relatorios de encontros, viagens,etc.)da entidade sao realizados no formato DPH. Utilizamos as fichas dph para repassar informacoes para publicacoes locais e regionais.Em muitos cursos realizados pela associacao DIALOGO as fichas sao utilizadas como forma de divulgacao da rede DPH e tambem como forma de familiarizar grupos proximos, nao informatizados. DIALOGO tem realizado em convenio com a Universidade Federal de Santa Catarina o desenvolvimento de uma conferencia eletronica da Rede Vozes do Silencio- comunicacao pela base na America Latina. O banco de dados DPH foi eleito como carro chefe da divulgacao das possibilidades de pesquisa e experiencias alternativas na area da informatizacao. A conferencia tem como objetivo trocar informacoes sobre a democratizacao da comunicacao e cultura na America Latina, ale’m de divulgar o programa e a rede DPH. A Mais recente conquista neste campo foi a adesao a rede DIALOGO e a Rede Vozes do Nucleo de pesquisa e extensao da Faculdade de Comunicacao e Artes-FACOARTE, da Universidade do Vale do Itajai- UNIVALI. A UNIVALI e’ uma importante fundacao universitaria do interior de Santa Catarina. O Nucleo de pesquisa e extensao da FACOARTE- UNIVALI vai colocar uma equipe e equipamentos ligados a INTERNET para colaborar com a rede Vozes do Silencio e a conferencia eletronica coordenada pelo DIALOGO. O trabalho e’ coordenado por filiados da ONG em colaboracao com professores e alunos da faculdade de Comunicacao.

Na regiao sul do Brasil, principalmente em Santa Catarina foram feitas ricas experiencias com fichas DPH com movimentos sociais populares, particularmente com o movimento dos trabalhadores rurais sem terra-MST

A nivel interno as fichas DPH sao utilizadas com grupos , com metodologia participativa, com grupos sociais da regiao. Fazemos experiencias junto a movimentos populares divulgando e familiarizando estes grupos com as fichas dph, principalmente seu conteudo de forma impressa ou divulgada via outros meios de comunicacao (radio, video, boletins,etc). a nivel externo tambem sensibilizamos e divulgamos fichasDPH de outros grupos atraves de temas que interessem grupos espec’ificos.Utilizamos fichas sobre a Africa, para grupos que trabalham com a cultura afro-brasileira, fichas publicadas sobre camponeses da America Latina para trabalhadores rurais do sul do Brasil e fichas sobre desenvolvimento e solidariedade internacional divulkgaos para organizaoes nao governamentais interressadas no tema. As fichas DPH sao tambem utilizadas para formacao , inclusive por grupos nao informatizados.

Apesar de haver dificuldades de lingua (o programa nao ser em portugues)e de o programa isis nao ser um programa muito interativo e de maioria das fichas nao ser em portugues. Em uma an’alise global, a experiencia e’ positiva, tanto no trabalho de pesquisa e resgate da cultura e da comunicacao popular, como na experiencia de metodologia participastiva as fichas dph tem tido uma boa aceitacao e tem tido um uso social que consideramos relevante, principalmente em nossa regiao que e’ muito carente de informacoes alternativas. Os grupos sentem-se valorizados e estimulados de participar e ver suas experiencias registradas e divulgadas em um "banco de dados mundial". A memoria viva, que pode ser consultada, que pode ser completada om outros materiais como o v’ideo e o impresso, da uma dinamica interessante ao programa dph.

Mots-clés

méthodologie


, Brésil, Amérique Latine, Santa Catarina, Sul do Brasil

Commentaire

Temos muito que caminhar na divulgacao e consolidacao da rede DPH, na " rede DIALOGO", e na Rede Vozes do Silencio, porem ja caminhamos bastante nestes ultimos dois anos. Inicialmente o banco de dados nos parecia algo distante e de dificil assimilacao por parte dos movimentos sociais, atualmente porem o dph se transformou num dos carros chefes do nosso trabalho, como algo vivo e dinamico que utilizamos como meio de nos relacionar com os grupos e com a rede DIALOGO.

Source

Rapport

VIEIRA DE SOUZA, Marcio, DIALOGO CULTURA E COMUNICACAO, DIALOGO CULTURA E COMUNICACAO, 1995/03 (BRASIL)

Dialogo Cultura e Comunicacao - Rua Dep. Antonio Edu Vieira, nr.65, apt. 204/D, Bairro Pantanal, Florianópolis-SC, BRASIL - Brésil - mvsouza (@) univali.br

contact plan du site mentions légales