español   français   english   português

dph participe à la coredem
fr.coredem.info

rechercher
...
dialogues, propositions, histoires pour une citoyenneté mondiale

Articulaçao De Creches E Pre-Escolas Em Santa Teresa -1-

(Coordination des crèches et des écoles maternelles à Santa Catarina -1-)

Hermila FIGUEIREDO

09 / 1996

Atualmente, em nenhuma das dezessete favelas de Santa Teresa ha creches funcionando. As criancas pequenas, do morro e do asfalto, sao atendidas pelas escolas da rede particular ou por uma unica creche comunitaria que funciona no centro cultural municipal. Ha ainda a escolinha de uma professora, que aluga uma sala num condominio de classe media: ai ela atende a 15 criancas das favelas vizinhas, cujas familias pagam uma mensalidade minima, que garante apenas o seu sustento.

Em 1995, vimos renascer, muito timidamente, num dos morros do bairro - os Prazeres - uma experiencia de creche comunitaria. Por ordem da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, orgao responsavel pelo apoio publico a este servico, esta creche havia sido fechada a cerca de dois anos atras. O reinicio das atividades da creche foi uma reacao dos moradores da favela a situacao de perplexidade e, inicialmente, de imobilismo, gerada pela invasao dos Prazeres pelo narcotrafico, em abril. Simultaneamente, aconteceram outras acoes cidadas, organizadas por diversos movimentos de solidariedade. Algumas escolas particulares, por exemplo, participaram ativamente, engajando os alunos, seus pais e professores em atividades como mutirao para coleta de lixo em morros, doacao de utensilios e alimentos para creches, etc.@Uma escola particular aceitou o desafio de contribuir com esta experiencia. Ficou decidida a criacao de uma associacao de amigos da creche, com os objetivos de arrecadar fundos para o sustento financeiro da mesma e de buscar convenios com o poder publico. Esta associacao teria o objetivo tambem de acompanhar o trabalho realizado, de forma a garantir sua continuidade e qualidade. A ideia era de que esta experiencia incentivasse outros grupos a criarem creches em suas comunidades.

Infelizmente, alguns problemas acabaram nao permitindo a criacao desta associacao no ano de 1995, causando no grupo um certo desanimo e afastamento. As causas foram desentendimentos pessoais entre as liderancas da favela e as ameacas de morte sofridas pelo presidente da Associacao de Moradores do Morro dos Prazeres, principal alvo dos traficantes.

No final do ano, outro grupo comunitario iniciou uma luta por creche em Santa Teresa, porem com muitas duvidas quanto ao relacionamento com o movimento do trafico, que doou uma casa no Morro da Coroa para iniciarem o trabalho. Os educadores ja estabeleceram contato com o poder publico, numa tentativa de conseguir convenios para o funcionamento da creche, porem ainda nao obtiveram exito.

Mots-clés

bidonville, éducation, trafic de drogue, association d’habitants


, Brésil, Rio de Janeiro, Santa Teresa

Source

Récit d’expérience

FREIRE, Adriani Pinheiro

PACS (Instituto Politicas Alternativas para o Cone Sul) - Av. Rio Branco, 277, sala 1609 – Centro – Rio de Janeiro - RJ - BRESIL - CEP: 20.040-009 - Fone/fax: (21) 2210-2124 - Brésil - www.pacs.org.br - pacs (@) pacs.org.br

contact plan du site mentions légales