Chamada

a contribuições

Dossiês em preparação

2008 / 2009

- Povos indígenas - Atingir a sustentabilidade pelas filiais: da produção ao consumo

español   français   english   português

dph participa da coredem
pt.coredem.info

buscar
...
diálogos, propuestas, historias para uma cidadania mundial

Globalizaçao e desemprego - I

Reinaldo GONCALVES

09 / 1996

Nessa ficha apresentamos um resumo de parte de um estudo recente do PACS ("Globalizaçao e Emprego: Novas, Novissimas e Antigas Questoes")tratando da questao do emprego - fenomeno de determinaçao multipla, que escapa a generalizacoes simplificadoras.

No contexto de projetos neo-liberais, progresso tecnico acelerado e de aumento de produtividade, o papel protagonico obtido pela "agenda da competitividade" tem deixado uma tragica heranca de desemprego e insatisfaçao social nos paises desenvolvidos e em desenvolvimento. Esse fenomeno agrava-se no contexto de uma "paranoia anti-inflacionaria" nos paises desenvolvidos, que determina as politicas macroeconomicas desses paises, cujo impacto ocorre a escala global.

As implicacoes do fenomeno de desemprego estr utural ocorrem em diversas esferas e nao se restringem unicamente ao mercado de trabalho. O impacto sobre o processo politico se reflete, por exemplo, no acirramento de conflitos envolvendo imigrantes e na expansao de forcas politicas neo-fascistas. O desemprego vem acompanhado da insatisfaçao e pela angustia, o que tem um impacto sobre a psicologia social muito relevante, e cujos efeitos sao uma turbulencia crescente nas relacoes sociais.

O debate sobre a questao do emprego nos paises industrializados tem destacado a influencia de um conjunto de variaveis: globalizaçao, progresso tecnico, rigidez do mercado de trabalho e desaceleraçao do crescimento economico.

A globalizaçao tem sido um dos fenomenos marcantes das transformacoes globais recentes. Entr etanto, a evidencia indica que, no que concerne a questao de salarios e emprego nos paises industrializados, o impacto agregado nao e tao significativo, ainda que em um numero limitado de setores (e.g., textil e vestuario)esse efeito seja mais evidente.Globalizaçao e desemprego Redige le: 1996/09/26 GONCALVES, Reinaldo No que se refere a questao dos efeitos do extraordinario progresso tecnico recente, a introduçao de tecnicas poupadoras de mao-de-obra qualificada, ainda que tenha mudado a configuraçao geral do mercado de trabalho, nao parece ter tido um impacto muito significativo sobre a criaçao ou destruiçao liquida de empregos nos paises industrializados.

A rigidez ou flexibilidade do mercado de trabalho tambem e outro fator que aparece no debate atual. Nesse caso, entretanto, a conclusao e que a correlaçao com o d esemprego nos paises industrializados nao e tao evidente e imediata quanto possa parecer.

O menor dinamismo do crescimento economico parece surgir, entao, como a variavel mais determinante do elevado nivel de desemprego nos paises industrializados atualm ente.

Deve-se ressaltar que, embora os fatores mencionados acima - globalizaçao, progresso tecnico, dinÔmica do mercado de trabalho - tenham, isoladamente, uma significÔncia menor no que se refere a questao do emprego, eles operam convergentemente no se ntido de agravar a situaçao (e.g., desemprego e baixos salarios)determinada, em grande medida, pelo menor dinamismo economico nos paises avancados derivado de politicas macroeconomicas contracionistas.

Entretanto, deve-se notar que e pouco provavel que se consiga atingir niveis tao elevados de investimento e de crescimento economico que sejam capazes de levar a um nivel relativamente alto de emprego nos paises capitalistas avancados, que reduza significativamente o grande "estoque" de desempregados ja existente. Nesse sentido, e apropriado colocar enfase tambem no desenvolvimento de "atividades" que permitam a absorçao de mao-de-obra fora das relacoes do trabalho assalariado. Essas atividades representam "relacoes sociais de cooperaçao voluntaria e detrocas nao-mercantis auto-organizadas" (Andre Gorz, "Sortir de la societe salariale", Paris, Decembre 1994, p. 14).(A CONTINUER A LA PROCHAINE FICHE)

Palavras-chave

desemprego


, Brasil

Comentários

A viabilizacao do redirecionamento do tempo do cidadao de uma relacao como trabalhador assalariado para atividades voluntarias e de cooperacao depende, inter alia, do direito a uma renda minima por um periodo continuo e da reducao da jornada de trabalho.

Notas

Ficha preparada por FIGUEIREDO, Hermila

Fonte

Relatório

<PEUGEOT, Valérie>, "<Travail, emploi, activité en Europe>", Paris, <Europe 99>, Projet de Civilisation, No.3, juin 1995)

PACS (Instituto Politicas Alternativas para o Cone Sul) - Av. Rio Branco, 277, sala 1609 – Centro – Rio de Janeiro - RJ - BRESIL - CEP: 20.040-009 - Fone/fax: (21) 2210-2124 - Brasil - www.pacs.org.br - pacs (@) pacs.org.br

contacto mapa do site menções legais